Atentado

Atentado

Siga a república Atentado

Atentado

A-ten-ta-do.:
Casa. Lar. Família. É levar a união no peito e o samba no pé. É se sentir na sala de casa estando a mil quilômetros de distância. É ter morada em outros corações. É a união de gerações. É quando toca Rather Be. É fazer loucuras para estar presente e nunca realmente estar ausente. É aquela frase de efeito que passou de ano pra ano e nunca vai ser esquecida. É se entender por um olhar, é amar sem julgar. É a prova de que o fruto nunca cai  longe do pé.
 
Moradores
Istóuqr: “Eu vou tirar um cochilo, porque realmente...” - a dorminhoca (7º ano de Engenharia Agronômica - Mococa/SP)
Cruela: “Ahhh pronto!” - a dramática (6º ano de Engenharia Florestal - Caieras/SP)
Nonato: “Olha o tufãooOoo” - a observadora (6º ano de Engenharia Agronômica - Saltinho/SP)
Eva: ”Oi humana, eu ouvi almoço?” - a provolone (6º ano - Piracicaba/SP)
Só-Q-Ñ: “Olha o lixeiroooooo” - a aventona (5º ano de Gestão Ambiental - Piracicaba/SP)
Qm-Di(s)²e: “2 meses, 3 dias, 22 horas e 21 minutos e contando... e semestre que vem voltarei
a contar...” - a contadora (5º ano de Economia - Valinhos/SP)
Amarula: “Onde é o after? - a sem fim (4º ano de Ciências dos Alimentos - Limeira/SP)
Iluμnada: “Que horas são? Hora do café! Sempre é a hora do café” - a coffeelover (4º ano de Administração - Sorocaba/SP)
Meid-in: “Ah gente, eu nao concordo...” - a do contra (3º ano de Ciências dos Alimentos - São Paulo/SP)
Curuπra: “aaa meu mel, porque eu sou louca” - a piracicabana surtada (2º ano de Gestão Ambiental - Piracicaba/SP)
Keroπ: “VOU PISTOLAR” - a pistoleira das trevas (2º ano de Gestão Ambiental - Bom Jesus dos Perdões/SP)